Veja como emitir DARF online!

A DARF é um documento de arrecadação de rendimentos muito importante e está relacionado com a Receita Federal. Nem todo mundo sabe, mas é possível emitir os dois tipos de DARF sem sair de casa, apenas usando uma ferramenta da internet. Quer saber como funciona essa possibilidade? Continue lendo e entenda:

O que é DARF?

DARF é uma sigla referente ao Documento de Arrecadação de Receitas Federais. Como você já deve saber, todas as operações financeiras como transição de renda de uma empresa, compra e venda de imóveis, entre outros.

O recurso do DARF será justamente uma ferramente de cobrança de impostos para essas operações por parte da Receita Federal e do Ministério da Fazenda.

Essa é a única forma de comprovar o agamento dos valores que ficam embutidos nos rendimentos tributáveis, por isso, os contribuintes devem estar atentos para a sua emissão.

Além disso, é importante que você saiba qual o tipo de DARF você irá utilizar. Existem dois tipos de DARF direcionados para um objetivo específico.

Quais os dois tipos de DARF?

Quem vai emitir o DARF, precisa antes saber qual a ferramenta que será utilizado. Isto porque o recurso se divide em duas categorias, sendo elas a DARF Simples e a DARF comum.

O DARF simples passou a ser pouco utilizado, já que em 2011 passou por uma mudança, promovendo o lançamento do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS). O recurso é destinado a atribuição de valores por parte de pessoas jurídicas, ou seja, por empresas.

O segundo tipo, denominado DARF Comum, está sendo fortemente utilizado até hoje. Além disso, essa opção é a forma de arrecadar os tributos tanto para pessoas físicas como para pessoas jurídicas.

Como emitir DARF online?

O imposto de renda funciona através de uma plataforma online desenvolvida pela Receita Federal, e será justamente através dela que você poderá emitir a sua DARF.

Você deve ter acesso ao programa do IRPF do ano em questão, acessar a plataforma e clicar na opção “Declaração”. Depois, você deve clicar em “imprimir” logo após na opção “Darf com código de barras.” Feito isso, você estará emitindo de forma simples o seu documento de arrecadação.

Mas caso você esteja emitindo o DARF apó a data de vencimento do mesmo, vale lembrar que esta arrecadação virá corrigida por acréscimos de juros. Geralmente, o prazo limite para pagamento é no dia 29 de abril, portanto, fique de olho nos prazos!

FONTE: https://impostoderenda2020.com.br/

Entenda o período de carência para o auxílio-doença

Todos os contribuintes associados ao INSS têm direito a uma série de benefícios, inclusive salariais. É o caso do auxílio doença, fornecido aos que estão incapazes de exercer sua atividade remunerada, mas não se caracterizam como público da aposentadoria por invalidez. Entenda mais sobre o assunto.

Auxílio doença INSS

Dentre os serviços prestados aos segurados do INSS, está o auxílio doença. Um salário concedido aos trabalhadores que por algum tipo de acidente ou enfermidade, precisaram se retirar do seu trabalho atual.

Tanto os servidores em que o valor da contribuição é descontada da folha de pagamento, como os autônomos, têm direito ao auxílio. Para que seja definida a quantia paga de salário é feito um cálculo no sistema do INSS, considerando renda e tempo de contribuição.

Enquanto isso, o pagamento ao instituto é feito de acordo com a tabela de contribuição INSS 2020. Em que são definidas as alíquotas referente ao desconto do salário bruto do trabalhador.

O servidor deve solicitar o auxílio no site do INSS, ou em uma agência. Passando por perícia médica e avaliação para que sejam definidos os meses de afastamento.

Quem pode solicitar o auxílio doença

De acordo com a organização dos seguros, ficam instituídas regras sobre os beneficiados com o auxílio. Inclusive, trazendo informações sobre a carência de contribuição para o recebimento do salário.

Segundo o INSS, o trabalhador precisa estar contribuindo a pelo menos 1 ano para requerer o benefício. Caso tenha deixado de pagar a mensalidade, e se descaracterizou como segurado, é necessário cumprir no mínimo 6 meses de carência.

Dentre outros, também são requisitos:

  • Comprovar, em perícia médica, doença/acidente que o torne temporariamente incapaz para o seu trabalho;
  • Para o empregado (pessoas que não é autônoma): estar afastado do trabalho por mais de 15 dias (corridos ou intercalados dentro do prazo de 60 dias se pela mesma doença).

Como requerer o auxílio doença

Confirmando que cumpre com a carência solicitada, realizando mensalmente sua contribuição conforme a tabela de pagamento INSS 2020. O trabalhador pode agendar seu pedido, quando deverá passar por perícia médica.

O agendamento pode ser feito por telefone (135) ou via internet. Escolhendo a agência mais próxima. É importante lembrar que vale o laudo médico fornecido apenas por um profissional credenciado.

Caso não consiga comparecer até o local da perícia pode ser feito o reagendamento, permitido apenas uma única vez. Se nos 15 dias anteriores ao fim do atestado médico, o segurado julgar incapaz de retornar ao serviço, deve pedir prorrogação do pedido em uma agência ou na central de atendimento.

O que é a DARF? Veja como gerar um novo DARF

Todo contribuinte da Receita Federal precisa estar ciente do procedimento do DARF e para que ela serve. Bem, ainda existe muita dúvida quanto a este documento tão importante para você, por isso, vamos informar você da melhor maneira para que você possa entender do que se trata a ferramenta.

O que é a DARF?

A sigla DARF é referente Documento de Arrecadação de Receitas Federais. Este documento é relacionado a uma quantia cobrada por algumas operações financeiras efetuadas.

O documento é regido pelo Ministério da Fazenda e pela Receita Federal, sendo muito importante para os contribuintes e precisando ser pago dentro do prazo determinado,

O DARF se divide em duas categorias: o DARF simples e o comum. O documento deve ser cumprido e caso isso não aconteça, é necessário gerar um novo boleto corrigido por taxas e juros.

Qual a diferença entre DARF simples e comum?

Como você pode conferir, os serviços proporcionados pelo DARDF se dividem em duas categorias: a simples e a comum. Mas qual seria a real diferença entre ambas?

Bem,quem contribui para o INSS tem acesso a recursos como o PIS, nesses casos, o DARF atua como um instrumento de recolhimento e comprovação dos rendimentos tributáveis do contribuinte.

Para essas ocasiões, utiliza-se o DARF simples. Vale lembrar ainda que o contribuinte pode ainda agendar serviços INSS mesmo sem a emissão do DARF.

A DARF Comum surgiu um pouco depois da Simples com o propósito de recolher com mais eficiência as contribuições dos tributos tanto para pessoa físicia quanto para pessoa jurídica.

Este tipo de documento é o mais utilizado até hoje e é responsável pelas guias de faturamente do PIS. Quem irá receber o abono salarial precisa estar atento á emissão deste documento.

Como gerar o novo DARF?

Se você perdeu o prazo ou deixou de cumprir com a DARF, é necessário gerar uma nova via de pagamento e você pode utilizar três meios para fazer isso.

A primeira opção é utilizar o recurso da Receita Federal. No site da Receita, você pode ter acesso ao DARF de cada mês. Este recurso é é a Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (DIRPF) e você pode acessar o extrato acessando a opção “Demonstrativo de Débitos Declarados”.

Uma outra opção é usar o recurso da Receita Federal que permite o cálculo e emissão das quotas do DARF. O programa pode ser acessado via internet. Você também pode optar por realizar essa declaração do DARF manualmente.

Saiba os passos necessários para se tornar um gestor de sucesso

Seja lá qual for a sua área de atuação no mercado, é importante exercê-la com profissionalismo e determinação. Por isso, trazemos aqui algumas informações interessantes para quem está querendo seguir a carreira de Gestão e almeja ser um profissional de sucesso. Confira a seguir os passos necessários para ser o melhor gestor do seu meio:

Passo 1

Em primeiro lugar, você deve escolher a sua instituição de ensino. Não adianta querer ser um profissional de destaque se a instituição que você escolheu não condiz com as suas necessidades. Se possível, busque referências com os seus colegas.

Uma boa dica para quem está visando o curso de Gestão é se inscrever para as bolsas de estudo dos cursos SENAI 2020. Já imaginou ter um certificado em uma das melhores escolas técnicas do país e estar apto para o mercado de trabalho em pouco tempo?

A escolha do seu curso é essencial, mas  saber onde você vai cursar é fundamental para a sua formação como gestor. É necessário se sentir confortável com a escola de sua escolha.

Para mais informações, confira: senai2020.com.br

Passo 2

Para ser um bom gestor, existem algumas habilidades que você precisa desenvolver. A que mais se destaca é a necessidade de ser confiante.

O gestor estará numa posição de liderança, sendo direta ou indireta, e para garantir que a equipe exerça suas funções com qualidade, o gestor deve ser bastante confiante.

Um profissional de pulso firme e senso de controle, com certeza irá se sobressair no mercado de Gestão. Não se esqueça de valorizar sempre os seus pontos fortes!

Passo 3

Como mencionado, o gestor estará em uma posição de liderança, por isso ter pulso firma é uma habilidade interessante. Mas não vale só delegar tarefas, você não precisa se tornar o “mandão”.

Claro que estabelecer serviços para a sua equipe precisa sr efetuado corretamente, porém é esperado que o gestor também assuma algumas responsabilidades.

Ser proativo é essencial, por isso, delege e cumpra as tarefas corretamente. Um gestor que sabe se posicionar será o queridinho da empresa!

Passo 4

A comunicação é um ponto fundamental para o profissional da Gestão, a dica é que você se mantenha em um bom relacionamento com todos os colaboradores.

Além disso, tenha sempre a mão os índices e números da sua empresa. Seu discurso ficará muito mais confiante e plausível quando você embasar as suas ideias em dados.

Para resumir, você deve sempre enaltecer as suas afinidades e tentar melhorar o seu desempenho em outras. Seja comunicativo e busque estar a par dos dados do seu local de trabalho.

Quais os custos de ter um carro de luxo no Brasil?

Na maior parte dos casos, um carro de luxo não representa apenas poder aquisitivo, mas garante conforto ao motorista e passageiros. Por isso, quando um proprietário opta por veículo mais caro ele considera uma série de fatores. Dentre as qualidades também é preciso identificar os gastos, que se tratando de um automóvel de luxo são ainda maiores.

Carro de luxo no Brasil

Quais são os carros de luxo do Brasil?

Para ser considerado como um veículo de luxo o carro deve custar mais do que 60 mil reais, até essa média são vendidos automóveis populares. Como um VW Fox, Ford Ka e Chevrolet Prisma.

Além do valor, os carros também contam com um design melhor elaborado, cores específicas e motor bem potente. O que mais chama a atenção do consumidor quando vai comprar um veículo é o seu desempenho na estrada, considerando a velocidade e adaptação em diferentes vias.

Em janeiro de 2019, o Jornal do Carro, um blog do Estadão, contabilizou os 10 carros de luxo mais vendidos no Brasil dentro daquele mês. Os registros foram:

  • Mercedes Benz Classe C;
  • Audi A3;
  • BMW Série 3;
  • Mercedes Benz GLA;
  • Audi Q3;
  • Volvo XC40;
  • Land Rover Discovery;
  • BMW X1.

Os carros citados acima custam acima de R$100.000,00. Modelos como Honda Civic, Toyota Corolla, VW Tiguan e Ford Fusion também pertencem a categoria luxo, e não custam mais do que R$120.000,00.

Valor dos impostos sobre carros de luxo

Alguns tributos tendem a ficar mais caros quando cobrados sobre carros de luxo. Já que é considerado o valor de mercado. É o que acontece com o IPVA, que multiplica a alíquota válida no Estado pelo preço do veículo na tabela FIPE.

O licenciamento depende da legislação de cada região do país, e deve chegar até R$150.00. Enquanto isso, o DPVAT 2020 SP e o DPVAT 2020 RJ possuem o mesmo valor. Pois o tributo não altera sua quantia por Estado, mas depende da categoria do veículo. Isto é, se a cobrança é feita sobre um carro, moto ou ônibus.

Por tanto, o proprietário deve considerar os seguintes fatores para saber o valor dos impostos:

  • IPVA – alíquota x valor venal do veículo;
  • Licenciamento – taxa de acordo com a legislação do estado;
  • DPVAT 2020 – R$16,21 para todos os carros.

Lista de custos gerais de um carro de luxo

Antes de fazer a compra é preciso criar uma lista com os prós e contras do bem a ser adquirido. Embora possuir um veículo de luxo seja a realização de um sonho, trazendo mais conforto para sua família, veja se está disposto a ter gastos com:

  • Seguro contra roubo e acidentes (mais caro que para carro popular);
  • Serviço mecânico (verifique disponibilidade de peças, dependendo da fabricante);
  • Pneus e acessórios em geral;
  • Combustível (opte por um caro flex).

 

Quais direitos os trabalhadores perdem ao pedirem demissão?

Todo tipo de serviço regido pela CLT irá dispor de algumas regras que asseguram o trabalhador. Entretanto, quando se demite pode ser que este trabalhador venha a perder alguns direitos importantes. Você sabe quais são? Se você está pensando em trocar de emprego, não deixe de conferir antes quais os direitos que os trabalhadores perdem ao se demitirem. Veja a seguir!

Seguro Desemprego

O seguro desemprego é um dos benefícios mais importantes para o trabalhador. Mas afinal quem tem direito ao Seguro Desemprego? O auxilio é destinado aos funcionário dispensados de seu cargo sem a apresentação de justa causa, por isso, quando se demite o trabalhador perde automaticamente o direito a este recurso.

Algumas empresas podem até oferecer um acordo para que o funcionário seja demitido a fim de manter benefícios como o seguro desemprego. Porém isto não é uma regra e depende do relacionamento interpessoal entre empregador e empregado.

Apesar das leis trabalhistas poderem ser modificadas, não há nenhuma mudança prevista que permite este saque para um funcionário que se demitiu por conta própria. Em contra partida, o seguro desemprego 2020 só poderá ser solicitado pelos trabalhadores que exerceram 12 meses de serviço nos últimos 18 meses. Caso ainda tenha alguma dúvida, entre em contato com o órgão responsável pela sua cidade!

FGTS

O FGTS é o Fundo de Garantia do Trabalhador e funciona como uma conta bancária. Todo mês é descontado do seu ordenado uma porcentagem destinadas a serviços como o FGTS e o seguro desemprego. Portanto, você pode receber o valor do FGTS quando é dispensado do seu cargo.

Entretanto, quando a demissão é solicitada pelo funcionário o saque fica inacessível. Vale mencionar que a multa de 40% do valor do FGTS só é aplicada quando o funcionário é demitido por justa causa e ao pedir demissão o mesmo não precisa ser descontado!

Benefícios do ano inteiro

Existem alguns benefícios que funcionam como bonificações anuais. É o caso das férias e do décimo terceiro salário. Bem, na demissão o empregado tem sim direito a receber férias e décimo terceiro salário, mas é importante enfatizar que este valor será referente ao tempo de serviço prestado.

Portanto se você pede demissão em abril, por exemplo, só deverá receber 4/12 do seu décimo terceiro. O benefício das ferias também é um valor proporcional referente aos meses que aquele funcionário exerceu suas funções na empresa. Vale lembrar que se você nunca recebeu férias no seu emprego, o seu empregador deve lhe pagar o valor referente em dobro!

Cabelo longo ou curto? Veja os prós e contras de cada um

O dilema “cabelo longo ou curto?” já passou pela cabeça de muitas mulheres. Quem segue tendências já deve ter percebido que os estilos mais populares mudam de tempos em tempos. Cada corte de cabelo tem seu charme, assim como também seus contras. Se você está no impasse para decidir se deia o seu cabelo crescer ou passa a tesoura, leia o texto a seguir e entenda os prós e contras de cada estilo:

Cabelo longo ou curto?

Cabelo longo

Prós

Penteados

O cabelo ongo permite uma grande possibilidade de penteados. Dos simples aos mais complexos, você pode variar muito o seu estilo no dia a dia.

Rosto

O ponto que mais chama atenção no cabelo longo é o fato de que ele vai bem com qualquer tipo de rosto. E você pode modelar para que fique do seu jeitinho.

Chapinha

Como você já deve saber, passar chapinha no cabelo longo é mais prático, pois você consegue alcançar bem os fios. O efeito também fica mais evidente.

Contras

Secagem

A desvantagem do cabelo longo é que demora muito para secar, portanto quem vai a um evento e acabou de lavar o cabelo, vai precisar usar o secador.

Produtos

Os produtos acabam num piscar de olhos! Para manter o seu cabelo bonito e saudáel, você precisa ter alguns cuidados com ele e os fios longos exigem ainda mais produtos.

Salão

O gasto no salão também é maior, já que as profissionais terão mais trabalho e mais gasto de produto  nos seus fios. Portanto, prepare o seu bolso!

Cabelo curto

Prós

Moderno

O cabelo curto quase sempre traz um ar moderno para a mulher. Mas é importante estar atendo, pois existem cortes de cabelo para cada tipo de de rosto e até para o tamanho do pescoço.

Economia

Um ponto muito importante para quem vai optar por um bom corte de cabelo é a economia. Com o cabelo de tamanho curto , os seus produtos de beleza tendem a durar mais.

Temperatura

Se o clima na  sua região está quente, um corte de cabelo pode fazer toda a diferença. Assim, você poderá se sentir mais fresquinha quando sair na rua. Mas você também pode usar em tempo frio escolhendo um dos cortes de cabelo inverno 2019.

Contras

Penteados

Apesar do estilo curto tem muitas vantagens, um ponto que pode incomodar um pouco é a pouca possibilidade de penteados para ir aos eventos.

Salão de beleza

Para manter o seu corte de cabelo, você terá que cortá-lo com mais frequência. Muita gente opta por dar uma parada no cabelo longo em casa, mas para o curto o ideal é ir no salão.

5 Dicas de Unhas Decoradas para Casamento

Seja como noiva, como madrinha ou como convidada, estar com o modelo de unhas ideal é essencial para complementar o seu look. Se você vai participar de uma cerimônia de casamento, precisa ficar por dentro dos modelos de unhas decoradas em alta para o momento. Veja a seguir cinco dicas de unhas decoradas para casamento e escolha qual mais combina com você:

Unhas simples com acessório

A cerimônia de casamento é um evento formal que irá exigir um visual condizente. Para quem não deixa de acompanhar as tendências, vale enfatizar que novos modelos de unhas para noivas estão em alta neste mercado e você não pode deixar de conferir.

O casamento irá dispor de muitos detalhes, flores e decorações e se você também já escolheu um modelo de vestido bem detalhado, pode ser uma boa opção procurar por unhas simples com acessórios que combinem com seu look.

Unhas em gel

As unhas em gel nunca saem de moda e pode ser uma ótima opção para agregar ao seu visual. Você pode escolher um dos diversos modelos unhas gel com detalhes delicados.

A dica é optar pelos desenhos finos em cores neutras. Também vale a pena procurar um profissional especializado em unha em gel, para garantir o efeito desejado para as suas unhas

Unhas stiletto

O modelo de unhas de stiletto ficaram muito populares e estão fazendo sucesso em diversas cerimônias. A ideia é que as unhas permaneçam delicadas com qualquer cor que você escolher.

Você já deve ter reparado que algumas artistas como Lana Del Rey e Rihanna usam unhas mais pontudas, com formato em V. Este modelo corresponde ao stiletto e vai fazer toda diferença no sue visual do dia do casamento. E o melhor é que você pode utilizar as unhas da forma que quiser, seja com decorações ou acessórios.

Unhas com brilho

As unhas com brilho nunca saem de moda, e se você escolher o tom certo para o seu look de casamento pode ser o diferencial. Você pode optar em usar o brilho nos detalhes ou somente um uma única unha.

As possibilidades são inúmeras e a possibilidade de fazer a francesinha com o brilho tem ficado bastante popular. Escolha o modelo que mais combinar com você!

Unhas com detalhes

O modelo de unhas que dispõem de detalhes está sempre em alta e dependendo de como você quiser as suas, pode agregar ao seu look. A delicadeza das unhas sem se destaca em qualquer visual.

Qual o valor do IPVA nos estados do Brasil?

Você já deve saber que o IPVA é um dos impostos obrigatórios que todo proprietário de veículos deve pagar anualmente. Mas você sabia que o valor dele é diferente para cada estado? Por isso, se você quer se preparar para o valor desta taxa fica atento ao valor do IPVA nos diversos estados do Brasil!

O que é o IPVA?

O Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores, ou IPVA é uma taxa obrigatória que precisa ser cumprida a cada ano. Geralmente, este valor é cobrado no começo do ano.

O motorista deverá cumprir corretamente com o valor dele dentro do prazo estabelecido pelo Detran. Apesar de cada estado dispor de uma central diferente do órgão responsável pelo trânsito, a data limite para o pagamento do IPVA é a mesma.

Efetuar este pagamento é muito simples. Basta ir até uma agência bancária ou casa lotérica com o boleto do IPVA em mãos. Uma outra opção é utilizar o internet banking do seu banco para realizar o pagamento online, no conforto de sua casa!

Qual o valor dele para cada estado?

Como mencionado, o valor do IPVA muda de um estado para outro. Isto porque, apesar da obrigatoriedade ser igual para todas, existem diversos aspectos que podem influenciar neste valor, como por exemplo o custo de vida.

Considerando isto, você deve saber que o imposto do IPVA Brasilia, região populosa e cara para se viver, será superior ao de outros locais. Vale mencionar que  valor também vem a depender do carro. Um modelo que custa menos de R$ 40 mil, poderá render um imposto no valor de E$ 1.379.

IPVA Goias também possui uma das porcentagens mais altas, chegando a R$ 1.477,50 para o mesmo modelo de carro. Enquanto isto, a porcentagem sob o valor do veículo em Tocantis, Rondônia, Mato Grosso, Espírito Santo e acre é de 2%, podem representar um valor de R$ 788 para o IPVA de um carro popular.

Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais ficam com a porcentagem mais alta, equivalente a 4%. Isto quer dizer que você pode pagar cerca de R$ 1.576 pelo seu IPVA Minas Gerais.

Alagoas, Amazonas, Amapá, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piaui e os demais estados tem uma porcentagem variando entre 2,5 e 3,5%, o que faz com que a taxa de pagamento varie entre R$ 985 e R$ 1.379 para um veículo popular. Outros modelos podem apresentar uma variação diferente do valor do IPVA, por isso, confira as tabelas online e se informe!

10 Programas que mais dão lucro na TV brasileira

Os brasileiros gostam de assistir TV. Não é a toa que esse aparelho eletrônico está entre os mais vendidos da categoria. As emissoras brasileiras dependem muito da audiência dos seus programas para se manterem no ar e com isso aumentarem sua rentabilidade.

Para que uma emissora de televisão se mantenha ativa e com os programas no ar, é necessário que ela tenha uma boa audiência.

Um programa com maior audiência atrai patrocínios que podem chegar a contratos milionários devido às suas ações de marketing.

Como os canais abertos faturam?

Existem algumas maneiras que proporcionam um maior faturamento dos canais abertos. Essas ações são legais e praticamente todas as emissoras fazem. Acompanhe:

Espaço reservado para anúncios publicitários

Esses espaços para as propagandas publicitárias são os mais comuns e eles existem desde que a televisão foi trazida para o Brasil.

Essas propagandas são exibidas sempre nos intervalos das programações, muito comum nos programas esportivos.

Espaço dedicado ao Merchandising

Esse tipo de propaganda você já deve ter visto. Sabe quando você está vendo um programa de televisão e de repente o apresentador interrompe para fazer a propaganda de algum produto? Então, isso é Merchandising.

Reality shows, programas de culinária, programas de auditório e até algumas novelas utilizam essa ação com uma certa frequência.

Licenciamento de produtos

Esse tipo de ação é nova no país, mas diversas emissoras já estão fazendo isso.

Esse tipo de licenciamento é quando a emissora transforma suas produções em marcas e vendem os produtos que forem criados a partir delas.

Por exemplo, atualmente diversas novelas já são disponibilizadas no formato de DVD.

Aluguel de horários para terceiros

Algumas emissoras trabalham com esse tipo de arrecadação, alugando o seu espaço de horário para terceiros.

É muito comum nos canais religiosos de igrejas e que tenham programas de televendas. Esses horários provavelmente são alugados.

Aqui no Brasil esse modelo de aluguel de horário existe desde os anos 90.

Uma das primeiras emissoras a utilizarem esse modelo foi a Band. Hoje você encontra espaços alugados na Gazeta, entre outras.

Conheça a seguir os 10 programas mais rentáveis da TV

Existem algumas emissoras que lideram absoluta o ranking do Ibope. Essas são as que mais possuem programas com rentabilidade alta.

Mas não são apenas os programas da TV aberta que são rentáveis e atraem marcas interessadas em faturar. Cada vez mais os programas da TV paga estão aumentando a audiência e com isso aparecendo em posições de destaque no Ibope.

A Globo ainda concentra uma maior fatia na geração de lucros com seus programas, pois concentra a maior fatia de propagandas publicitárias.

A seguir você confere uma lista com alguns programas que mais geram lucros para as suas emissoras. Essa lista pode ser alterada a qualquer momento. Acompanhe:

  • Programa do Ratinho – SBT;
  • Hoje em Dia – Record;
  • TV Fama – RedeTV;
  • Melhor da Tarde – Band;
  • Master Chef – Band;
  • Mais Você – Globo;
  • BBB – Globo;
  • É de Casa – Globo;
  • Encontro com Fátima Bernardes – Globo;
  • Campeonato Brasileiro – Globo.